Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Segredos de Sangue - Charlaine Harris

SINOPSE: Depois de suportar tortura e a perda de entes queridos durante a breve mas mortífera Guerra dos Fae, Sookie Stackhouse sente-se magoada e furiosa. O único elemento positivo da sua vida é o amor que acredita sentir pelo vampiro Eric Northman. Mas este está sob olhar atento do novo rei vampiro por culpa do relacionamento de ambos. Enquanto as implicações políticas da revelação dos metamorfos começam a ser sentidas, a ligação de Sookie a um lobisomem específico arrasta-a para uma questão perigosa. Além disso, sem saber, apesar de os portais para Faery terem sido fechados, restam alguns fae no mundo humano... E um deles está zangado com Sookie. Muito, muito zangado.

OPINIÃO: É sempre um prazer entrar no mundo de Sookie. É um ambiente familiar e que "cheira" a casa.
Neste volume a protagonista não se encontra nos seus melhores dias. A olhar por cima do ombro, com receio de ser assassinada a qualquer altura, dá cabo dos nervos, já à flor da pele, de Sookie.
Sente-se só. Amelia voltou para casa, Eric está ocupado com umas visitas que irão dar um desenvolvimento ao enredo esmagador, e Jason está enamorado. Arlene é a desilusão e o vampiro Bill está mais lá do que cá.
Porém, Claude muda-se para sua casa, porquê? É uma pergunta que só é desvendada no grande final. 
Para além da fada narcisista, Sookie recebe uma visita muito especial e devo dizer que foi a notoriedade desta personagem que trouxe algo de novo e palpável a este volume, o seu primo/sobrinho telepata Hunter. 
É uma ternura assistir aos momentos "maternos" de Sookie e consequentemente entrar no seu campo de dúvidas em relação ao futuro. A convivência com Hunter também traz memórias dos seus tempos de criança.
Alcide e a alcateia também são parte integrante no enredo e claro, Eric. Este último tenho sentido que a afirmação da sua relação com Sookie o mudou. Sinto falta da sua arrogância, do seu ego e da sua malvadez que o tornava irresistivel.
Estou desejosa pelo próximo e cada vez mais fico na expetativa de como é que Harris vai terminar, de vez, esta saga.

1 comentário:

Arquivo do blogue